Abdominoplastia na mulher - Abdominoplastia - Master Health

Abdominoplastia

Melhore o contorno abdominonal eliminando o excesso de gordura

Atendimento de segunda à sexta: 9h às 20h

Abdominoplastia na mulher

Uma silhueta em desarmonia é capaz de causar grandes abalos na autoestima feminina. Flutuações de peso resultantes de dietas mal elaboradas, perda de peso brusca após uma gestação na qual se ganhou muito peso e falta de exercícios físicos podem deixar a barriga com o temido aspecto caído, a chamada “barriga de avental”, com sobras de pele e flacidez na região abdominal.

Durante a gravidez há um ganho natural de peso e, consequentemente, ocorre um aumento de massa corpórea. Normalmente, o volume extra não deve ultrapassar os 12 kg e quando o ganho de massa é muito superior, pode ocorrer um estiramento da pele. Este estiramento, na maior parte dos casos, não retorna à posição normal após a perda de peso, deixando o aspecto flácido com as inestéticas sobras de pele. Além disso, o afastamento muscular da região também pode deixar aquela aparência de “estômago alto”.

A flacidez e as sobras de pele também podem ser resultantes de uma alimentação errada e da falta de prática esportiva. Quando se segue uma dieta restritiva para perder peso em curto prazo sem se preocupar com exercícios físicos, é praticamente inevitável o surgimento de flacidez. 

A abdominoplastia é um procedimento indicado para pacientes que já se encontram dentro de uma faixa de peso ideal, não um procedimento para perder peso, de modo que sempre se recomenda um acompanhamento com um profissional de nutrição, o qual irá reeducar a alimentação, processo ideal para que o resultado da abdominoplastia seja mantido no decorrer dos anos.

Através de uma incisão realizada na porção inferior do abdômen, o cirurgião plástico retira os excessos e deixa a silhueta com uma aparência mais saudável e natural. No pós-operatório, que compreende um período de aproximadamente 2 meses, será necessária a utilização de dreno e malhas compressivas de acordo com indicação médica. Além disso, recomenda-se repousar por até duas semanas e evitar a exposição solar prolongada.

O resultado pode ser visto já no primeiro mês, embora sua definição ocorra em meados do sexto mês de recuperação. Devido aos inchaços e manchas roxas que surgem em decorrência da recuperação natural e gradual do corpo, um resultado mais próximo do final pode ser bem observado a partir do sexto mês do pós-operatório, embora a maturação da cicatriz só ocorra depois de 12 meses, período no qual ela alcança sua coloração final, bem próxima da cor natural da pele.

A dermolipectomia de abdômen pode ainda ser realizada em conjunto com outros procedimentos para aperfeiçoar o resultado e oferecer uma silhueta ainda mais harmônica para o paciente. É o caso da lipoabdominoplastia, na qual as técnicas de lipoaspiração e abdominoplastia são realizadas em uma só operação. Excesso de gordura localizada, flacidez e sobras de pele são removidos e o contorno corpóreo fica ainda mais natural. A indicação, entretanto, depende da avaliação do cirurgião plástico para cada caso.

É importante!

Cadastre-se para receber informações.

* Lembre-se: a consulta é fundamental. Obrigado por se cadastrar.

Telefone: 11 3372-1900 | Av. Paulista, 491 conj. 73/74 - 7º andar - Cerq. Cesar - SP - CEP 01311-000

X

Preencha seu telefone que ligaremos para você AGORA!